domingo, 11 de dezembro de 2011

A peleja do diabo com o dono do céu!

Ohh, aviso aos navegantes, eu nao sou catolica, nao fiz primeira comunhao, nao conheço a historia de cristo, mal sei o nome dos tres reis magos, nao acho isso bonito porque ignorancia nunca é bacana e a critica do post nao é à religiao catolica ou qualquer outra! Se voce é catolico, venha comentar e mandar uma LUZ (em todos os sentidos) porque o que me falta de entendimento no catolicismo e no cristianismo, sobra em questao de educaçao e funcionamento da cabeça dos pequenos!

Depois de muito pensar resolvi sim inscrever Mathieu no catecismo, primeiro porque ele GOSTA, passa muito tempo me perguntando sobre Deus, Jesus e compania e apesar de espirita, nao acho que certas coisas sao pra idade dele. Segundo porque o melhor amigo dele que esta em outra escola faz, seria mais um lugar pra ele ver o amigo, fazer amizades......e terceiro porque aprender nunca é demais! La pra frente ele teria base pra escolher uma religiao ou nenhuma delas e abraçar o ateismo se fosse essa a vontade dele!

De inicio, parece que sao 5 encontros ate julho, ou seja, é coisa pouca, so pras crianças se familiarizarem com o ambiente, ate porque, eu nao frequento missas, a Igreja é ao lado de casa mas falta organizaçao e sobra crianças.

Ontem foi o primeiro encontro e eu tinha poucas expectativas, na minha cabeça, eles iriam aprender coisas simples tipo pai nosso e ave Maria, um pouco sobre a historia de Jesus......mas nao foi bem isso que rolou nao!

Fui buscar Mathieu e ele estava euforico, gostou muito e ali mesmo ja foi me explicando num embolo caracteristico dele o que ele aprendeu!

-Mae, sabe aquela sala ali? Aquela do quadro? Ali dentro se passa algo super especial! A gente viu um pao ( a ostia) que é o corpo de Jesus!

Buenas, repeti tres vezes que representava o corpo de Jesus, ele ja confundiu com coraçao porque em frances "corp" e "coeur" se pronuncia parecido e mudei de assunto!

-Mae, sabia que anjos existem? E tambem diabos.......mas a gente nao pode ver nao, so Jesus, eles sao invisiveis e ficam lutando perto da gente......quando fazermos coisas erradas, sao os diabos agindo, mas ai vem os anjos e salvam a gente.....

Gelei, que dizer? Pra que falar sobre diabo? Tah, dizer que temos um anjo da guarda ate acho fofo......é algo BOM! Mas porra, sabendo que criança nessa idade tem medo ate de se olhar no espelho, pra que ficar falando em coisas ruins? Ou dizer que elas agem sobre nos?
Nessas horas percebo o quanto a religiao acaba deixando as pessoas cegas, a vontade e importancia de passar um conceito é tao grande que isso se sobrepoe à questao do desenvolvimento infantil, se eles estao ou nao preparados pra aprender esse tipo de coisa! Algumas pessoas dizem que o catolicismo usa o medo, pode ser...

Estava com ele e Jorian (o melhor amigo) na porta da Igreja quando eles começaram a contar acho que alguma parabola onde "Aqui, nessa Igreja tinham vendedores de varias coisas mae, tinha o moço das carnes, peixe, muito comercio, Jesus chegou com o seu chicote e gritou -Aqui naaaaaaao! _____ ai o amigo completa "Ele pegou seu chicote e pà, deu em tudo e em todos derrubando tudo....."

OI? Que exemplo de amor hein! Primeiro, eles nao tem noçao de que nao se passou ali, que foi em outra Igreja, que é representativo......fora que gente, eles aprenderam que violencia nao é nada demais, que o erro justifica a chicotada.......ta bom assim?

À essa altura, talvez pra quem sempre viveu na Igreja catolica, isso tudo seja normal, devem estar se dizendo que EU nao tinha nada que ter enfiado meu filho ali se nao concordo com a religiao e os ensinamentos catolicos, NAO......eu achava de coraçao que tinha muitas coisas mais bonitas e importantes à ensinar, Jesus era caridoso,amoroso, porque dar exemplo logo usando uma passagem onde ele chicoteia com tudo?

Eu cheguei um pouco mais cedo e pude ver de longe ele cantando, teve filmagem e fotos, no fim vai rolar um material pros pais verem o que eles aprenderam, ele gostou MUITO......mas obviamente, ficou com medo!

Eu me assustei sim vendo ele passar a noite falando em diabo......nao curti! Acho totalmente desnecessario ensinar isso pra crianças tao pequenas que nao entendem a ideia , que diabo nada mais é do que a representaçao do mal.

Depois dele ter me dito muito sobre o que aprendeu, eu soltei "Ohhh filho, tu nao vai ficar com medo nao, hein?!!!".......um tempo depois, ele no banho, eu estendendo roupas, ele solta: "Mae, voce sabe de tudo mesmo!________ Por que filho?_____________Porque voce sabia que eu ia ficar com um pouco de medo!__________so pude responder que de todo jeito, ele ja tem medo de tudo, que nao é novidade! Pelo menos ele dormiu bem, esta ansioso pra rever os amigos, desde ontem lê a tal da musiquinha onde rola um Toc toc toc,Jesus esta querendo entrar no seu coraçao.........e doido pra brincar com a vela!

Eu por enquanto vou deixar passar, ainda que nao concorde com isso tudo, da pra eu contornar.......talvez se continuar, vou conversar tranquilamente com as mulheres que dao curso pras crianças, pra perguntar se elas tem noçao do que se passa na cabeça de uma criança quando ela diz que ela nao vê, mas em torno dela esta cheio de anjos e diabos......vou correr o risco de ser a chata da parada mas ja to acostumada mesmo!
Enfim, fui dormir pensando no meu querido Ze Ramalho e uma das minhas musicas preferidas, A peleja do diabo com o dono do céu!

Pra quem nao conhece:

Com tanto dinheiro girando no mundo
Quem tem pede muito quem não tem pede mais
Cobiçam a terra e toda a riqueza
Do reino dos homens e dos animais
Cobiçam até a planície dos sonhos
Lugares eternos para descansar
A terra do verde que foi prometido
Até que se canse de tanto esperar
Que eu não vim de longe para me enganar
Que eu não vim de longe para me enganar

O tempo do homem, a mulher, o filho
O gado novilho urra no curral
Vaqueiros que tangem a humanidade
Em cada cidade e em cada
capital
Em cada pessoa de procedimento
Em cada lamento palavras de sal
A nau que flutua no leito do rio
Conduz à velhice, conduz à moral
Assim como deus, parabéns o mal
Assim como deus, parabéns o mal

Já que tudo depende da boa vontade
É de caridade que eu quero falar
Daquela esmola da cuia tremendo
Ou mato ou me rendo é lei natural
Num muro de cal espirrado de sangue
De lama, de mangue, de rouge e batom
O tom da conversa que ouço me criva
De setas e facas e favos de mel
É a peleja do diabo com o dono do céu
É a peleja do diabo com o dono do céu


5 comentários:

Nine disse...

Amo essa música tb!
Eu nasci católica e já na catequese vi que não era para mim, mas...segui em frente, fiz 1a. comunhão, participei de grupo de mjovens e foi quando eu saí de lá para participar do espiritismo. Segui assim mais alguns anos e hj não frequento lugares...pesquiso idéias de mente aberta.
Ainda não pensei em como passar isso para minha filha, e acho que será complexo, tendo em vista que não sigo acirradamente nenhuma religuião, vamos ver...
Beijos,
Nine

Alaya disse...

Eu não concordo com dizer "ah mas espiritismo nao da agora pra idade dele". Justamente por isso que você contou Ju. Eu cresci ouvindo sobre karma, morte, reencarnação, clarividência e acho tudo normal. Não acho normal um ser humano torturado até a morte, sangrando e pregado numa cruz, não acho normal danações do inferno etc etc. Isso sim não é pra criança!
O MAT é um fofinho mesmo né!

Katia Regina Guimarães disse...

Juliana
Porque vc acha que o espiritismo ñ seria legal para ele agora??
Se quiser e tiver um tempinho, dá um olhadinha no Evangelho segundo o espiritismo (Allan Kardec)vc vai encontrar conceitos legais para ensinar os seus pequenos.
Somos espíritas aqui em casa. As crianças participam do evangelho no lar ( qdo elas querem, claro...rs...)oram todas as noites antes de dormir, tomam passes magnéticos qdo necessario, e a Helena, que está com 4 anos, vai começar na evangelização infantil no centro espirita que frequentamos.

Juliana Beaup disse...

Katia, o que nao acho legal é falar sobre o espiritismo puro, tipo culto no lar é otimo, é oraçao, cria disciplina, mas teoria dependendo da criança pode despertar medo, eu so me desvencilhei desse medo bem mais velha e com mais entendimento, mas criança nao gostava de saber que estava acompanhada o tempo todo, ou daquela ameaça ridicula de que se eu fizesse besteira, fulana ia saber pelo seu mentor......Mathieu sempre teve muito medo, ainda mais por ter visao aguçada entao eu prefiro passar o conceito bem devagar, de forma natural conforme ele vai ficando mais seguro. Tenho certeza de que ele nao entenderia conceito de encarnaçao e no fim, espiritos seriam apenas fantasmas.
Se aqui tivesse centro, certamnte ele iria pra evangelizaçao mas como nao tem, ficamos com o catecismo por hora.
Bjao

Katia Regina Guimarães disse...

Juliana
Concordo com vc que os conceitos devem que ser passados aos poucos, e de acordo com a idade da criança. Aqui em casa nem tocamos no assunto reencarnação, mediunidade,e etc, pois acredito que seria complicado focamos principalmente em Jesus e seus ensinamentos.
Agora,é uma pena, que aí, na terra de Allan Kardec ñ se encontre um centro espírita...
Um grande bj!!!!