sábado, 30 de abril de 2011

Mas ele ainda é um bebe!

Alexandre completara 2 anos fim de julho, muitos se assustam com a idade dele achando que ele tem menos. Ok, ele nao é grandao, nao é gordinho, nao fala, nao gosta de pessoas estranhas e principal detalhe, ainda mama....alias, ainda nao, ele  MAMA, ja que  esta normal pra idade dele e esse ainda indicaria que ele faz algo que ja deveria ter parado de fazer.

Quando penso no Mathieu nessa idade, tambem vejo um bebe.....alias, Mathieu é meu eterno bebezao, ele falou tarde, era muito espertinho mas sempre curtiu um colinho e ate semana passada (Yupiiiii, conseguimos!) chupava chupeta! Nao tinha muito estimulo pois foi o primeiro, era mais solitario e cobaia né!
Ja quando penso em Ciça, eu ja via um "prototipo" de garotinha......ela ja falava, era bem mais autonoma e dona de si, começou a comer sozinha rapido e  andou mais cedo.

Bom, claro que rola alguns fatores, tipo, meninas sao mais precoces na fala e no desfralde (sem generalizar hein!) e contando que ao completar um ano, passamos dois meses no Brasil onde devido minha cirurgia, por dois meses o colo e cuidados ficaram por conta de mamae, Renatinha, e minhas tias queridas....logo apos, veio a gestaçao do Alex, onde ela pode acompanhar a mudança do meu corpo, a chegada do maninho e com isso perder o espaço de bebe da casa virando a filhota do meio! Foram muitas mudanças que a fizeram crescer além.
Como minha ultima lembrança na barra dos dois anos se concentra nela, eu acabo sim vendo meu Alex um pouco mais bebe!

Voces devem estar se perguntando (ou nao hahahhaha!) o que tem de errado nisso......NADA ué, alias, nao sei se tem, as vezes me questiono se esse é o desenvolvimento real dele ou se EU estou impedindo ele de crescer.
Explico....ultimo filhote é isso, a gente quer aproveitar ate a ultima gota, o que antes era motivo de cansaço, hoje encaro com alegria me dizendo "sera a ultima vez...." e com isso, ele ganhou sim uma mini vantagem sobre os irmaos, que alias, me ajudam na tarefa de mima_lo, ja que nem chamar atençao dele eu posso sem que Ciça ou Mathieu venha em defesa me dizendo que ele ainda é um bebe!

Ultimamente, a pressao pro desmame é enorme (ja sei, ja falei nisso zilhoes de vezes né!), embora so me falta vestir diariamente uma camiseta dizendo que nao, nao vou desmamar  e TUDO, absolutamente TUDO é  "culpa" do tal têtê.......impressionante!
Ainda acorda uma vez por noite? Culpa do seio......ainda nao fala nao sei quantas palavras? Culpa do seioooo......ainda nao brinca com desconhecidos? Culpa do seio, obviamente.......nao pega onibus sozinho???? Tambem, ainda mama......
Nem gosto muito da palavra culpa ainda mais nesse caso, onde nao existe culpa, somente um desenvolvimento à seu tempo proprio, consequencias desse desenvolvimento e de algumas escolhas, de alguns habitos familiares......culpa tambem remeteria à algo fora do padrao, o que nao é verdade!

Ontem na farmacia me deu ate vontade de rir, cheia de "ites" por causa de uma rhino alergia, fui pedir uma homeopatia que pudesse entrar no lugar do Zyrtec, uma das farmaceuticas que ja me conhece  perguntou-me o porque de nao tomar logo o Zyrtec, visto meu estado, ai ela mesmo disse "Ahh, voce esta gravida né!"......."Nao, é que amamento!"......  "Quantos anos tem seu bebe? é pequenininho né? .........."Nao muito, fara dois anos em julho!"....silencio na farmacia, ela me olha espantada e solta "Voce TEM que parar!"........"Parar? Mas eu GOSTO!"...............(falando mais alto) "Mas voce TEM que parar!......"Nao, nao tenho.....eu GOSTO e a recomendaçao é no MINIMO dois anos, ano que vem ele ira à escola e o interesse sera outro.....talvez desmame ate antes, mas por enquanto, continuaremos assim!"......a outra farmaceutica soltou um risinho e a que me atendia sem graça, continuou a procurar meu remedio!

Talvez esse tipo de situaçao ocorra esporadicamente na vida da maioria, ainda mais pra quem mora no Brasil, mas imaginem voces que a França é o paìs ocidental com menor taxa de aleitamento materno........junta ai o fato de que nem 20% de 50% das mulheres que decidem aleitar, ultrapassam a barreira dos seis meses exclusivos.....logo, aqui eu sou um ET e esse tipo de situaçao ocorre no minimo uma vez por semana!

Engraçado é que ate Chris, que nao tem a cultura do aleitamento e nunca tinha visto de perto, me apoia totalmente......ontem mesmo quando veio nos dar boa noite, ao ver Alex mamando ele disse que bichinho realmente ainda é um bebe, que nao entende o por que das pessoas insistirem no desmame, no que isso poderia prejudicar Alex, ainda mais ali, vendo ele tao seguro e satisfeito junto ao têtê!

Talvez, ele seja sim mais bebe que os outros da idade dele, mas o que importa? Por que a pressa de ver traços firmes de autonomia nas crianças bem antes da media normal? Por que essa corrida, essa vontade de vê-los crescidos??? Sera que quem me acusa indiretamente de nao deixa-lo crescer, nao faz ou fez exatamente o contrario, impulsionando seus filhos a serem autonomos antes da hora? Quantas vezes teremos que ver fulana dizendo que seu filho JA sabe fazer tal coisa e ainda pedir fulaninho pra provar?
Ai ai......e pensar que daqui dois meses começara o questionamento sobre desfralde!


Olha Mathieu ai completando dois anos!!



Agora minha Ciça, completando dois aninhos dez dias depois do nascimento do Alex!



E por fim Alex, dois meses antes de completar dois aninhos!!!




Como ter coragem de dizer que esse pitoquinho nao é mais um  bebe? ahhh nao........é meu bebe SIM e ponto final!

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Onde esta a perfeiçao?

Hoje li algumas opinioes sobre minha participaçao em um forum onde alguns participantes diziam que eu me acho perfeita, que "isso é que da ter opiniao pra tudo e se achar", que eu passo a imagem de que sei de tudo, consigo tudo e blablabla........ué, e dai? Sera que as pessoas estao realmente incomodadas com a minha pseudo perfeiçao???? Tenho pra mim que nao, ate porque, so sendo fraco de leitura pra negligenciar que nessa mesma comunidade onde estou ha mais de 4 anos, muitos pontos nao me deixariam ser a mae mais que perfeita que muitos acham que eu digo ser, vamos la pra listinha?!!!

Entao, nao amamentei dois de tres filhos......ohhhhhh, pois é, nao consegui, cade a perfeiçao??

Usei mamadeiras e as danadas das chupetas com dois deles tambem, ihhhhh.......sera que nao leram ou "pularam" as partes em que digo que Mathieu ainda chupa chupeta com 6 anos e esta super resistente com a ideia de largar???

Tambem faço sempre apariçoes em topicos de desfralde, Mathieu teve altos problemas por conta de um desfralde pra la de mal feito........caramba, a perfeitinha nao sabe desfraldar????Naaaaoooooo, cê jura?

Ahh os partos....sera que é esse o ponto? Hum, considerando que o parto do Mathieu foi praticamente uma cesa via baixa, o da Ciça foi com peridural, e o do Alex foi um circo longe do modelo humanizado ou do PD que eu gostaria (ah , um indicio talvez???), onde ficou a perfeiçao no parir? Emponderei???

Meus filhos comem porcarias, fazem crises, quebram coisas como crianças normais........mas é verdade que eu nao me descabelo, nao peço pra sair, nao quero morrer, vai ver, o que "encomoda" é minha resistencia, força de vontade e principalmente, fazer o que acho correto e somente  o que ME agrada.
Eu nao faço NADA, absolutamente NADA porque fulaninho disse que é bom SE eu nao quiser ou nao acreditar, e se der errado, nao......nao sinto culpa nao! Eu vivo pra MIM, nao pros outros, nao estou aqui pra provar nada a ninguem.

Eu acho meio obvio que alguem que tenha tido tres filhos e cuidado praticamente sozinha dos tres, tenha bastante informaçao sobre maternagem, ainda mais sendo essa pessoa uma leitora mediana.....mas nao adianta, narciso nao gosta de ver o que nao é espelho né!

Enfim, vou terminar o post agradecendo a Nestle, Hippo (preferidona hein!) e Bledina porque apesar de marretar suas campanhas contra aleitamento, nao posso me esquecer de que quando morava num ape onde a cozinha nao fazia nem 2m², foram voces que na maioria das vezes alimentaram meu Mathieu!!!

Assinado, La perfection au féminin !

sábado, 16 de abril de 2011

Ahimsa - nada de violencia por aqui!!!

Ultimamente tenho percebido grandes mudanças no Mathieu, com seis anos e alguns meses, meu ursinho esta numa fase complicada, muita influencia de amigos, que alias, ele ainda nao aprendeu a diferenciar os verdadeiros e os que gostam apenas de tirar sarro com ele, tem andado na linha bamba, hora é meu garotinho fantastico, hora fica meio agressivo ou respondao, como  ele vê os amigos fazerem.
Esta dificil dele se auto afirmar, perceber que comigo o tom é outro e que ate com os amigos, nem sempre vale a pena copiar comportamentos so pra entrar num grupo!

Mas tirando isso tudo, eu tenho visto um menininho extremamente carinhoso que curte muito cuidar do irmao mais novo, ensinar algumas coisas pra Ciça e fazer amizades!

Ontem, pra entrar no embalo das férias, levamos o trio pro McDonalds, ja faz um tempo descobri um enorme afastado que é pouco frequentado, a area de jogo é enorme com mesas no mesmo espaço pros pais e uma otima opçao pra eles, inclusive pro Alex que ainda é mini e nao curte brinquedao, se nao fosse a comida, seria perfeito!
Geralmente, eles beliscam alguma coisa e correm pra brincar,  Chris e eu passamos umas duas horas ali batendo papo vendo eles se acabarem!
Ontem, talvez pelo esquema de ferias, tinha mais crianças que o habitual, Mathieu logo fez par com um menininho pra la de agitado, tipo ele , mas por varias vezes, eu reparava em ambos se atracando, dando chutes e tapas, tipo uma brincadeira de luta mas no limite.
Por duas vezes eu disse ao Mathieu pra parar, que aquilo nao era brincar......a ultima coisa que eu queria era ouvir mae dos outros reclamando do anjo que tem em casa!

Um break pra falar de Ciça, ela que era acostumada a enfrentar os mais velhos, numa ultima oportunidade ao parque, percebi que talvez por influencia da escola , ela se controla mais......quando alguem vem chatea-la, ela so pede pra parar, nao se defende com tanto afinco, mas ontem, ao ver Mathieu apanhando, Bebela venceu o medo de subir no brinquedao (ja paguei o mico de tira-la algumas vezes la de cima e ninguem merece!) e disse pro menino "Ei, nao bata no meu irmao....voce nao pode fazer isso!".
Achei fofo porque pra defender Mathieu ela é capaz de superar seu medo e investir de uma maneira que ela nao faria se fosse pra se defender!

Voltando ao Mathieu, num determinado momento, eu ouço ele procurar a mae do menininho e dizer "Oi, eu sou o Mathieu, olha o seu filho esta falando palavroes e me batendo......dessa maneira, nao da pa brincar, pede a ele pra parar ai!"........ a mulher repreendeu o filho e disse pra eles apertarem as maos e que dali pra frente seriam amigos, ambos apertaram e passaram o resto da noite brincando juntos numa boa!

O que eu gostei é que ele seguiu à risca os meus conselhos, ha duas semanas atras, ele voltou da escola contando que mais uma vez fulano passou a mao nas suas bolinhas de gude e que ciclano gosta de dar chutes nele, as vezes na barriga, as vezes nas pernas......Chris perguntou o que ele fazia, ele nao soube responder muito bem, eu sei que ele nao fazia nada, tentava se esquivar mas nao tinha coragem de pedir com autoridade o menino pra parar porque pra ele, TODO mundo é amigo , ate esses que se aproveitam da ingenuidade dele pra se dar bem!
Chris depois de falar muito e perguntar mais ainda, finalizou dizendo que caso nada desse certo, era pra ele se defender, o classico! Eu cortei e disse "Nessas horas procure um adulto! A professora, inspetor, a mae do colega, SEMPRE um adulto e relate o ocorrido.......nao bata em ninguem pra nao perder a razao, voce pode segurar as maos do colega  e pedir pra parar, mas dar o troco nao"......e Chris indignado dizendo que se ele nao se defendesse nunca, iria sempre apanhar.....enfim, ele ontem deu sim uns empurroes no menino de brincadeira, numa intensidade bem mais leve, o que nao justifica......mas achei fofo ele tomar a decisao de abrir o jogo com a mae do colega! Sinal de que ele entendeu bem o recado e mais, entendeu à quem se dirigir, ja que ele poderia vir à nos que estavamos do lado da mulher!

Essa nova fase dele tem sido trabalhosa, por vezes eu me pergunto onde enfiaram o meu Mathieu, mas é fofo ver os avanços dele e constatar que meu bichinho esta crescendo, que fim do ano sera 7 anos, idade da rasao (e da encheçao! eu bem me lembro Lipe nessa idade hahahahahahhaa).

Enfim, por aqui continuo defendendo a ideia da nao violencia........nao quero meus filhos usando da força pra intimidar, prefiro vêlos usando da inteligencia pra atingir seus objetivos!E por enquanto, tem dado certo.......

quinta-feira, 7 de abril de 2011

A publicidade e Madame Badinter!

Ultimamente eu tenho lido bastante sobre madame Badinter no orkut, em sites e revistas , o livro dela saiu ano passado e claro, ela como expert em publicidade, ja que é acionaria de uma grande empresa do genero aqui na França (Publicis), tem feito bastante barulho por ai com uma unica motivaçao, grana!




Muitas coisas sobre ela nao aparece, por exemplo,que ela é acionaria da Publicis, agencia encarregada da propaganda de grandes marcas, como a Nestle e Pampers......ela mesmo diz que a ideia de escrever esse ultimo livro, foi ao escutar na radio que Bernard Kouchner, ex ministro da saude queria proibir propagandas, doaçao e distribuiçao de leite artificial em maternidades......ela ficou muito tocada, claro, como assim? Mulheres que decidem nao amamentar nao tem o direito desse leite garantido?????O governo deveria BANCAR esse direito à mulher.......financiar esse consumo, permitir a propagaçao nas maternidades e centros de pediatria, nao apoiar o aleitamento que é digamos assim........de GRACA!



Aqui na França, ja nas salas de parto, 50% das mulheres decidem nao amamentar tomando remedios pra secar o leite, das outras 50%, nem 16% consegue chegar ao sexto mês de aleitamento materno............alguem pode me mostrar que pressao toda é essa pelo aleitamento????Onde estao essas mulheres que OUSAM amamentar e colocando seus seios pra fora em publico, constrangem quem nao amamenta????

Esses dias saiu esse artigo aqui ohh, que diz que as francesas sao as que menos amamentam no ocidente....fora a questao da maternidade pouco exercida pra nao bater de frente com ideias feministas que muitas insistem em seguir sem questionar se é isso que elas querem!

http://www.guardian.co.uk/commentisfree/2011/apr/01/france-breast-breastfed-baby-death

Eu posso dizer que ao menos na maternidade onde pari TRES vezes, a unica propaganda de amamentaçao é uma folha de A4 em letras pequenas dando conselhos ERRADOS colado na parede dos quartos e salas de parto.......mas ao lado, inumeros cartazes fofos com bebes e suas propagandas de leite com o slogam "Em parceria com a mamae".......fora as malinhas de produtos gratis contendo inumeros descontos pra leite infantil e os sachets de leite mesmo que TODAS ganham!

Ainda que eu repetisse muitas vezes que queria aleitamento exclusivo, era obrigada a olhar dia e noite para as mamadeirinhas "guigoz" ou "bledina" gratuitamente cedidas ali, pousadas no movel do meu quarto.

A pressao pra complementar foi tao grande, que Mathieu mal foi aleitado, e pra Ciça nao tomar complemento, comprei briga na maternidade andando com textos da LLL pra cima e pra baixo!

Essa é a pressao que a madame Badinter finge nao ver.........ela diz falar com propriedade sobre os problemas das mulheres, ora vejam so.......oriunda de familia burguesa, nao deve ter tido o minimo de problema em ter staff pra se ocupar dos filhos, pra nao depender de creches e sistemas publicos somente, pra nao ter tripla jornada de trabalho ja que pode terceirizar os filhos e serviços de casa.......e vem julgar a mulher que decide apenas ser mae por alguns anos?......sim madame Badinter, essa tambem é uma ESCOLHA, nao so uma imposiçao como a senhora gosta de dizer! Imposiçao é achar que TODA mulher quer ser um homem, ter carreira, ter filhos como acessorios sem o minimo de envolvimento pra nao se comprometer........

Agora ate a questao ecologica é tabu.......como ela so pensa no lado da mulher, ela esquece que fraldas de pano tambem contribui pra saude do bebe, ja que a pele respira bem melhor......esquece que a preocupaçao ecologica é tambem se preocupar com o futuro dos nossos filhos, netos, bisnetos.......mas como ela apoiaria fraldas de pano se essas nao pagam milhoes como a pampers pra Publicis fazer propagandas?



Ate hoje, eu so a vejo propagar uma maternidade mediocre, ela se faz de libertaria quando joga pra cima de mulheres vulneraveis o slogan da culpa.......".nao sintam culpa por nao serem perfeitas!!!!"----- Isso pode ser facilmente traduzido como "nao se culpem por errarem conciente.....nao se culpem por nao ESCOLHER e ainda NEGAR o melhor à seus filhos, sejam mulheres modernas acima de tudo!!!!"----- afinal, isso é tudo balela de psicologos que querem aprisionar mulheres com a maternidade (OI?), maternidade essa que hoje em dia vem sendo opçao, e nao obrigaçao pra muitas mulheres!

Ahhhh mas ai é que mora o erro, diz Madame Badinter que quando falamos em escolha, a mulher é ainda mais responsabilizada.......se ela escolhe, ela deveria fazer tudo pra esse filho ser feliz né......ERRADO, ela deve seguir a vida dela carregando o filho como pode sem modificar NADA em sua vida......nao amamentemos, pra que???? Vamos dividir mamadeiras com os pais, com babas, com "tias" de creches.........continuemos maes mas livres.......como assim pausar o trabalho??? Naooooo, creches, berçarios......alias, uma das ultimas entrevistas que vi com a Badinter, perguntaram caso ela fosse presidente, quais seriam as tres medidas do governo dela, entre dar uma chamada nos homens pra assumirem mais a paternidade, que nao é de todo ruim e outra medida a qual me esqueci, ela solta uma perola de que instalaria creches e escolas 24horas, assim, aquela mulher que trabalhou o dia todo ou a semana toda, ao inves de buscar o filho, deixaria ele por la pra poder descansar, aproveitar a noite, sair......ou ate aproveitar o fim de semana....enfim, instalaçoes prontas pra acolher crianças à qualquer hora pra folga das maes!

Esses sao pequenos detalhes sobre essa senhora que enche a boca pra falar sobre maternidade.

Mas que maternidade???? ___Em momento algum ela leva em conta uma necessidade sequer do bebe, o que importa é a mulher exercer uma vida egalitaria ao homen, independente da vontade dela!

Ela fala muito na luta das feministas, mas esquece que essas lutas todas foram nao so pelos direitos das mulheres mas pela ESCOLHA , nao pelo modelo pre formado que ela vende como ideal!

Ela se preocupa com mulheres que decidem pausar a vida por um ano pra viver intensamente a maternidade como se mulher alguma pudesse desejar isso, como se escolhendo pela maternidade, a mulher abandonasse ali a sua autonomia......merda, alguem diz pra essa louca que eu nao quero ser um homem, eu nao quero trabalhar e por meus filhos na creche pra me encaixar nesse modelo de mae moderna descompromissada......alias, é isso, falta de compromisso!

Tudo seria bem mais facil se ela disesse logo pras mulheres que a maternidade é uma prisao, pra que elas se libertem e nao tenham mais filhos.......o que dizer quando ELA mesmo caiu na cilada né.......entao Madame Badinter, entenda que a grande ameaça pra liberdade feminina, é VOCE! Deixe-nos sermos inteligentes, sensiveis, concientes, deixe-nos viver intensamente o que a maternidade nos proporciona, se VOCE é frustrada, se sentiu amarrada, nao nasceu pra ser mae, assuma........vai ser bem menos ridiculo do que falar bobagens por ai, fingir uma pressao que ao menos aqui na França nao existe.
 
Algumas fontes:
http://www.lllfrance.org/fafa/arret-image-bad.htm
 
http://www.guardian.co.uk/commentisfree/2011/apr/01/france-breast-breastfed-baby-death